16 de agosto de 2010

Agora sim!

Sabe quando você arruma a casa de um jeito, gosta do visual, mas, por algum motivo que você não sabe exatamente qual, sente que algo não funciona bem? Fica até difícil de identificar se o problema é o visual ou são as acomodações. Enfim, era mais ou menos assim que estava me sentindo no meu ateliê.
Eu gostava do visual e da disposição das coisas, mas não entendia o fato de sempre que eu precisava bordar algo, eu arrumava tudo e corria para o sofá da sala com toda a minha tralha. Por que isso se eu havia feito um lugar especial para essa prática, com uma poltrona ultra confortável e uma iluminação perfeita para ver os mais minúsculos pontos de linha? Até que, depois de muita briga pela disputa do melhor lugar no sofá da sala, eu descobri... o grande pivô da discórdia era a sedutora televisão. Sim, a Éris dos tempos modernos! Ela que fica lá, paradinha, com ar inocente e inofensivo, pode, em questão de segundos, com um simples apertar de botão, se transforma na Deusa da Discórdia de um lar doce lar. E o caos se forma!
Esse era o problema da minha inconsciente rejeição ao meu cuidadosamente preparado espaço para bordar. Claro! Sentada na minha super poltrona do ateliê, mesmo com o mais confortante dos confortos e a mais iluminada das iluminações, eu não tinha a prazerosa visão da televisão. E, para mim, qualquer tipo de costura à mão combina PERFEITAMENTE com qualquer um dos meus programas de TV prediletos. Não dei tempo à tristeza! Mais que de pressa, fiz do meu espaço, antes cuidadosamente preparado, agora estrategicamente montado, sem deixar de lado, é claro, o conforto, a iluminação e, lógico, a organização, afinal, me chamo Mariana Albuquerque. Não foi um trabalho fácil... me custou a tarde de domingo todinha, em quanto o Daniel dormia, mas o resultado não poderia ter ficado melhor. E não poderia mesmo, pois, considerando o espaço limitado que tenho, não há outra possibilidade de arrumação. É essa ou se muda de casa, minha filha! Vejam vocês com seus próprios olhos:

Vista panorâmica do ateliê Por Debaixo dos Panos.


Ambiente para corte e costura.

Ambiente para passar, bordar, navegar na internet e, agora, assistir TV. Eba!!!!!!!

E aí, gostaram?! Na verdade, tudo é igual, o que mudou foi apenas a disposição dos móveis. Gente, vocês não sabem como isso mudou a minha vida de quilter e, de certo modo, o astral da casa. As disputas pelo sofá acabaram e meu ateliê passou a ser 100% aproveitado. Agora, a TV é de todos!

...

Mas... fico pensando... e o controle remoto... para quem fica? (rsrsrsrsrsrsrs...)

Bjs, pessoal, e até a próxima postagem!

2 comentários:

Ellen Roxana disse...

Que bom eu também gostei e, pelo jeito já acabou os presentinhos quero ver....bhjo

Mari disse...

Nada, menina! Esse momento "troca-troca de lugar" foi só para descansar a mente... rsrsrsrs...
Bjs,
Mari